Óleos Essenciais, de onde vêm?

óleos essenciais

Os óleos essenciais são encontrados nas plantas e em suas estruturas.

Centenas de milhares de plantas diferentes recobrem o planeta Terra, desempenhando um papel vital na vida animal e humana ao produzirem oxigênio, proporcionarem alimento, regularem a água, criarem habitats e muito mais. Existe uma grande variedade de tipos, espécies e famílias de plantas, e cada uma possui características que as tornam úteis para certas finalidades.

Onde são encontrados?

Uma variedade de óleos essenciais pode ser encontrada nas sementes, na casca, no caule, nas flores, nas raízes, na madeira, nas agulhas e nos frutos dessa diversidade de plantas. Embora a ideia de extrair óleos essenciais de partes das plantas e utilizá-los em atividades como a culinária, a saúde e a aromaterapia possam ser desconhecidas para alguns, essas práticas, na verdade, já existem há milhares de anos. Os povos de várias civilizações antigas descobriram a utilidade que as plantas e partes delas poderiam ter nas tarefas cotidianas, e as utilizaram para todo tipo de finalidade, desde soluções de saúde e tratamentos de beleza a cerimônias religiosas e sepultamentos.

Embora conheçamos muito mais hoje sobre os benefícios e os usos de partes das plantas e dos óleos essenciais graças à tecnologia e às pesquisas, as pessoas dessas civilizações antigas tinham uma percepção correta; existem incontáveis maneiras de se usar as plantas, devido à grande variedade de tipos e espécies vegetais à disposição. Assim, se você já se perguntou de onde vêm os óleos essenciais, agora já sabe: eles estão por toda parte!

Embora nem todas as plantas produzam óleos essenciais, nas plantas em que eles ocorrem o óleo é caracteristicamente produzido em glândulas microscópicas especializadas. Depois que a planta produz o óleo, ele é excretado ou armazenado nas glândulas para ser usado futuramente. A quantidade de óleo essencial que uma planta produz varia dependendo da hora do dia, da estação ou do momento do ano, das condições climáticas e ambientais e das ameaças de predação.

Qual é o papel desempenhado pelos óleos essenciais na vida da planta?

Dependendo do tipo e da estrutura da planta, os óleos essenciais podem ser encontrados em diferentes partes de uma planta viva. Por exemplo, em algumas plantas pode ser encontrado nas flores, ao passo que outras plantas apresentam nas folhas ou na casca. Independente de onde o óleo essencial se encontre na planta, os óleos essenciais são conhecidos por desempenharem um importante papel na vida dela, pois podem realizar muitas funções.

Em muitos casos, os óleos essenciais conferem à planta seu aroma. Além de conferir à planta seu odor característico, alguns possuem propriedades de defesa que protegem a planta ao manterem longe os insetos e herbívoros. Também desempenham um papel importante na polinização e nos processos reprodutivos da planta, e podem até mesmo ajudá-la a se recuperar de lesões.

Tenha em mente que nem todas as plantas produzem óleos essenciais, e nem todos que são encontrados nas estruturas da planta proporcionam benefícios significativos. Contudo, com uma variedade tão grande de plantas e estruturas vegetais à escolha, ainda há muitas fontes que produzem óleos essenciais úteis com benefícios significativos.

Compostos aromáticos voláteis

A partir de uma perspectiva científica, os óleos essenciais são, muitas vezes, chamados de compostos aromáticos voláteis. Os compostos aromáticos voláteis são pequenas moléculas orgânicas conhecidas por mudarem rapidamente do estado sólido ou líquido para o gasoso quando colocadas na temperatura ambiente. A palavra “volátil” refere-se à rápida velocidade com que essas moléculas mudam de estado. Como os óleos essenciais mudam tão rapidamente do estado líquido para o gasoso, são potentes e seu odor pode ser sentido facilmente, mesmo à distância. Ao abrir um frasco de óleo essencial, você conseguirá sentir o aroma imediatamente. Isso ocorre devido à natureza volátil dos óleos essenciais. A composição física e química dos compostos aromáticos voláteis permite que se movam rapidamente pelo ar e interajam com sensores especiais do nariz. O tipo de compostos aromáticos voláteis determina o tipo de aroma e os benefícios que o óleo proporciona.

Atualmente, mais de 3.000 tipos de compostos aromáticos voláteis foram descobertos e identificados. Os óleos essenciais variam de planta para planta ou de espécie para espécie, e podem diferir até dentro da mesma família botânica. Cada planta tem uma relação percentual característica de constituintes aromáticos que lhe confere benefícios específicos e a torna exclusiva em comparação com outras plantas.

Composto Aromático Volátil

VOLÁTIL: Um composto volátil é aquele que passa rapidamente de um estado a outro. As moléculas orgânicas que constituem os óleos essenciais são conhecidas por passarem rapidamente do estado líquido para o gasoso quando colocadas à temperatura ambiente
AROMÁTICO: Caracteristicamente, os compostos aromáticos têm aroma distinto e estrutura química semelhante.
COMPOSTO: Ligação entre dois ou mais elementos químicos.

Fonte: doTerra – https://media.doterra.com/br-otg/pt/brochures/ebook-oil-essentials-origins-working.pdf

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Contate-me no WhatsApp Available from 09:00 to 19:00